Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

palavrasfelinas

palavrasfelinas

um tigre pode matar um homem, mas um homem não pode matar um tigre

78-Tigre.png

 

Qual o valor da vida? A vida em si é toda igual, não há vidas de primeira nem vidas de segunda...e no entanto matamos a torto e a direito sem pensar na vida..matamos insectos, micróbios, células, e também em alguns casos... pessoas...mas se a vida é tão valiosa porque é que determinados seres estão "programados" para matar, sabemos que é a lei da sobrevivência..não será a nossa vida uma forma subtil de servirmos de pasto a outras formas de vida? Partindo deste princípio, toda a morte é natural..desde que seja para obter a própria sobrevivência...por isso existe esta questão moral: um tigre pode matar um homem, mas um homem não pode matar um tigre, uma vez que não o vai comer...

 

Que lugares se procuram junto aos deuses?

Que lugares se procuram junto aos deuses?

Que presságios nos conduzem ao infinito?

Que escuridão existe para além dos pórticos onde a paz não se alcança?

Frio...sombras...deuses desconhecidos..tudo chega ao fim no longo destino dos homens

Em todos os momentos o dourado quente do ouro cega o cume dos olhos

E lá longe..onde as montanhas se encobrem de vales secretos

E a fúria das tempestades faz tremer as falésias

Há os abismos..as nascentes..as florestas virgens..Amazónias arrepiadas com a fantástica vida

Secretamente pensamos que descobrimos todos os enigmas

E que a nossa voz solitária decidiu esquecer quem sobe as escadas que dão para as sombras

E rolamos sobre nós como se a vida fosse feita de trovoadas

E o Destino...um fogo majestoso que se eleva para além de todos os lugares

A alma rola...o espírito impele-nos para o mar...a Ásia está logo ali..à mão

Sentamo-nos como mortais..e erguemo-nos como homens-deuses

Queremos liberdade..queremos visitar esse desejo terrível..que nos impele para longe...

Que nos ofusca como se fosse uma revelação do caos...e da Vida...

 

Respeito mais uma aranha...que um caçador!!!

índice.jpeg

 Há cerca de uma mês uma aranha(enorme), resolveu fazer a teia na hera que cobre uma dos pilares do meu telheiro. Há cerca de um mês que observo a aranha a fazer pela vida e "descobri", que apesar dela ser um animal carnívoro, só come o que cai na teia, e não se esforça para matar para além das suas necessidades. Ora isto fez-me vir à lembrança os nossos "heróis" caçadores, aqueles que todos sabemos que acham que matar animais, que na maior parte das vezes nem comem... é um desporto...também quem é que poderia esperar mais duns tipos que fazem da morte um desporto,( que ainda por cima acham que contribuem para a conservação das espécies), e depois vão apanhar grandes bezanas (nos almoços a seguir às "caçadas", nas comezainas que fazem com os outros amigos)..caçadores claro...

 

Sem chama nem alma..

Um dia hei-de flutuar onde nada me seguir

Terei um rosto aceso... nas velas feitas com cera das Arábias

Serei a memória imobilizada num rosto..uma estátua sem espaço..uma pele sem carne

As minhas mãos pegarão no sangue seco dos rubis

E deles farei as algemas da profunda noite...dizimarei os fogos e os prantos

Serei autêntico...como se ardesse num pedestal de lágrimas

Farei com que o mundo me transporte nas suas costas

Dos meus cabelos sairá o esquecimento..ornamentado por duas luas pálidas..

Sem chama nem alma..

 

Truman e o economista maneta

TRUMAN_58-766-06.jpg

 

Sabemos que hoje a economia domina o mundo..e que os economistas são os oráculos do dinheiro...no entanto não há nada mais incerto do que a economia..razão tinha Truman quando pedia que lhe trouxessem um economista maneta e que este o aconselhasse de forma clara, porque estava farto de economistas que diziam: " e por outro lado...."

 

O milagre do sol em Fátima

Há uma coisa que me intriga há muito tempo. Falo do milagre do sol em Fátima. Dizem que nesse longínquo dia de 1917 o sol dançou. Eu comecei a pensar que toda a astronomia teria que ser repensada. Sabemos,( eu pelo menos acho que sabemos), que no nosso sistema solar só há um sol. Sabemos que no nosso hemisfério todos vêem o mesmo sol ao mesmo tempo(embora a horas diferentes) e em Portugal à mesma hora.Então como é que o sol só foi visto a dançar em Fátima?

Fica a pergunta no ar,(ou no sol)...

 

Vale a pena ser optimista?

Vale a pena ser optimista? É claro que sim!!!Os optimistas têm maior probabilidade de ser saudáveis, viver mais tempo, estão menos sujeitos a depressões, ganham mais dinheiro, vivem melhor,são mais positivos relativamente ao futuro,(muito embora morram como os outros) e têm uma tendência inata para a alegria. Apesar de todas estas vantagens, quando falamos com alguém é raro encontrar alguém optimista, como se ser pessimista resolvesse os problemas. Claro que não podemos,(ou será que podemos?) ser como o Pangloss de Voltaire que achava que tudo corria pelo melhor dos mundos,mesmo quando tudo corria mal. Pela minha parte e como quero ser optimista, desejo-vos um óptimo dia...mesmo que o tenham que passar junto de quem não gostam...pensem sempre naquele momento em que estarão com quem gostam....

 

Na minha pele existem medos..

 

Na minha pele existem medos...noites..longitudes caídas junto ao mar

Na face doce do absurdo silêncio... os orgasmos não necessitavam de palavras

Falar de prazer é amar... os braços..os limos..as conchas

E deslizar pelo teu corpo feito de alabastros

Não precisamos que as palavras nos falem da dimensão desmesurada do amor

Nem queremos alterar o léxico eufórico dos ventos

Queremos apenas ficar sentados dentro de uns olhos lentos

Olhos infinitos... como adjectivos resplandecentes

Olhos que são mais que pessoas..são cartas de mareantes cegos pelo fundo dos mares

Inventar..inventar sempre mais versos que digam o que já sabemos

Diluir as gaivotas em latitudes impensáveis..colorir o sono com silêncios

Dormir junto aos albatrozes..tendo como pano de fundo..

O crepúsculo..as velas...o infinito...

 

Os ciganos não são politicamente correctos

 

11-06-2016 161.jpg

(foto tirada no Baixo-Alentejo)

Quando alguém fala sobre comunidades que se dizem ou são ostracizadas pela sociedade bem-pensante é vulgar ouvirmos dizer: eu não sou racista, até tenho amigos ciganos, ou africanos ou gays.Mas o que já não é politicamente correcto é dizer as verdades sobre essas comunidades. Isto vem a propósito da polémica sobre a comunidade cigana. Todos sabem que 99% dos ciganos vivem à conta do estado, vendem nas feiras e não pagam impostos. Todos dizemos aos nossos filhos que têm que estudar para terem um melhor futuro, aos ciganos a sociedade paga(nós) para mandarem os filhos à escola. O cigano quer viver à parte da sociedade, mas coitadinho tem que ser apoiado. O cigano não gosta/sabe viver em prédios, gosta de viver em barracas ou em casas térreas, mas quando vem a chuva coitados dos ciganos que não têm uma habitação condigna, mas não se esforçam para a conseguir, esperam que caia do céu. O s ciganos só casam dentro da comunidade e os raros que têm o atrevimento de casar com não ciganos são postos de parte, afinal os ciganos também ostracizam os seus...olha eu não tenho amigos ciganos, nem gays nem africanos é não é por isso que sou racista ou homofóbico..não deixo é de dizer o que penso...no entanto sinto alguma inveja da vida livre que alguns deles disfrutam...

 

Pág. 1/6